Nota 97 – Falsas Acusações Contra o Living Stream Ministry

O Living Stream Ministry (LSM) foi estabelecido pelo irmão Lee a fim de publicar o ministério do irmão Watchman Nee e o seu. Isso é e sempre foi uma atividade de publicação.

O escritório do Living Stream Ministry é somente um escritório comercial para servir ao meu ministério visando duas coisas: publicar as mensagens na forma de livro e distribuir essas mensagens em áudio e vídeo. Isso é tudo o que o escritório do ministério deve fazer e nada mais. Não tive muito tempo para checar tudo relacionado ao escritório no passado, mas o escritório do ministério sempre teve essa função específica e nenhuma outra. Esse pequeno escritório é um serviço levítico, servindo ao meu ministério para expor a palavra de Deus na forma impressa e por meio de áudio e vídeo. (A Timely Word, pg. 39)

Ezra Ma, um dos cooperadores mais próximos do irmão Dong, tem feito muitas acusações falsas contra o Living Stream Ministry. Por exemplo, falando em uma Reunião de Irmãos de Serviço, em São Paulo, 2 de outubro de 2005, Ezra disse:

O Living Stream Ministry dita regras às igrejas, define quem está no ministério, quem não está no ministério. (...) Todos têm de perguntar ao Living Stream Ministry se eles aprovam ou não. O Living Stream envia cooperadores para estabelecer ou remover presbíteros de suas funções, coisas deste tipo. (...) Para declarar, quando ele [irmão Lee] declarou às igrejas locais, que deveria haver apenas uma única publicação, o Living Stream está coagindo todos os santos em todas as igrejas a serem conformados a uma única publicação na restauração do Senhor.

Clique os ícones para ouvir os trechos do áudio desta mensagem. Parte 1: Parte 2:

Parte 3:

Não existe verdade nas declarações de Ezra. É digno de nota que Ezra não cita exemplos específicos para comprovar suas afirmações. O fato é:


Em um e-mail de Ezra aos irmãos "gerentes", datado de 15 de junho de 2007, ele relata acerca da comunhão dada por Hélcio Almeida a respeito da direção que levará à Laodiceia. Nesse e-mailele declara:

O que a Bíblia nos mostra é o oposto ao que o Living Stream Ministry promove. A ênfase dada pelo LSM, o Ministério (letra maiúscula) está trazendo muita confusão. Hoje, a continuação do ministério do irmão Lee é uma empresa, LSM.

A acusação de Ezra é novamente falsa. O único sentido no qual o LSM está continuando o ministério do irmão Lee é que ele continua a publicar o seu ministério. Isso está baseado no desejo expresso do irmão Lee que ele comunicou aos cooperadores durante sua última enfermidade. A liderança em levar a cabo o ministério atual na restauração do Senhor é a responsabilidade dos cooperadores na restauração do Senhor. Isso também está baseado na comunhão do irmão Lee a respeito da continuação do ministério na restauração do Senhor:

É importante observar que o irmão Lee falou diretamente sobre a continuação do ministério entre nós. Ele sentiu que, depois de sua partida, o ministério deveria ser levado a cabo por um grupo de cooperadores que estão entremesclados, assim como seu próprio serviço no ministério estava sob a coordenação dos cooperadores. Além disso, ainda existe a necessidade de se publicar o ministério que prossegue, e, para esse fim, o Living Stream Ministry e o Taiwan Gospel Book Room, um serviço entremesclado supervisionado por um grupo de irmãos entremesclados, que servem em coordenação com os cooperadores entremesclados, continuam a publicar o falar do Senhor entre nós nas sete "festas" anuais e nas reuniões ministeriais semanais. Em uma reunião com os irmãos a quem designou a responsabilidade pelo Living Stream Ministry, o irmão Lee disse: "Meu encargo é pela restauração baseada na interpretação do irmão Nee e minha. Eu sou a continuação do irmão Nee; eu gostaria de ter uma continuação minha, e isso precisa de uma empresa... a empresa Living Stream continuará esse ministério" (extraído de notas de uma reunião do Living Stream, em 12 de julho de 1996, não publicadas). Ele designou a um grupo de irmãos entremesclados a direção dessa empresa para a continuação e publicação do ministério, irmãos esses que laboram para cumprir essa comissão diante do Senhor. (A Obra de Publicação na Restauração do Senhor)


Ezra Ma acusa o LSM de subornar os santos na América do Sul com ofertas de sustento. Em uma reunião de cooperadores em Taipé, em 6 de novembro de 2007, ele disse:

É muito provável que Andres Capillo seja sustentando financeiramente pelo LSM. Sabemos que muitos irmãos brasileiros são sustentados pelo LSM. Um irmão do Peru, que agora está na Argentina, que também é sustentado pelo LSM, foi visitar nosso [obreiro em] tempo-integral no Peru. Nossos [obreiros em] tempo-integral não são sustentados por ninguém; eles simplesmente vivem pela fé e em grande dificuldade. O irmão não estava em casa; a irmã atendeu a porta. Ele perguntou a ela: "Não é uma vida difícil servir em tempo integral? Mas se vier para o nosso lado, você vai receber suprimento abundante." Não apenas no Peru, mas também em São Paulo – o irmão Nelson é um [obreiro de] tempo integral ali – mas no Brasil também, os que estão sob o LSM e criaram problemas e divisão no Brasil, dizem a mesma coisa aos nossos [obreiros em] tempo-integral. Isso é o que temos experimentado por experiência própria.

Clique no ícone para ouvir um trecho do áudio desta mensagem.

As acusações de Ezra contra o LSM são falsas. O Living Stream Ministry nem agora nem nunca sustentou irmãos de tempo integral na América do Sul.


Muitas das acusações feitas pelo irmão Dong e seus cooperadores contra o LSM já foram respondidas com alguns detalhes em: "As Acusações Falsas Contra o LSM e o que Está por Trás Delas" em www.afaithfulword.org/portuguese/. É uma inverdade conveniente atribuir ao LSM a crítica feita pelo ministério e pela obra do irmão Dong, porquanto isso delineia aquela crítica como um mero conflito de território entre editoras ou um mercado potencial para publicações. Não é esse o caso. Na verdade, muitas preocupações sobre o ministério e a obra do irmão Dong têm chegado de muitas partes da terra. Os passos dados pelos cooperadores de primeiro emitir uma declaração pública contida em A Obra de Publicação na Restauração do Senhor e escrever diretamente ao irmão Dong e, subsequentemente, alertar os santos nas igrejas na restauração do Senhor em toda a terra, foram iniciados a partir da preocupação pelo interesse do Senhor, tanto para preservar a verdade quanto para resgatar muitos santos e igrejas, o máximo possível, dos efeitos devastadores do ministério e obra divisivos do irmão Dong.